O que é parábola?

Na bíblia, no decorrer do novo testamento, encontramos diversas parábolas usadas para exemplificarem situações e atitudes. Mas final, o que é parábola na bíblia?

Parábola em seu termo geral é uma pequena narrativa que pode transmitir uma lição moral. No contexto bíblico, temos que as parábolas eram utilizadas para transmitirem ensino e conduta moral para as pessoas.

Em resumo, podemos dizer que parábolas são ensinamentos obtidos através de pequenas histórias que nos ensinam como viver no dia a dia.

Por que Jesus falava em parábolas?

Jesus falava muito em parábolas para ensinar ao povo. As parábolas de Jesus serviram como base para aquele povo naquela época e serve como base até hoje. Todos os pequenos acontecimentos narrados por Jesus se aplicam de forma bem interessante no contexto da sociedade independente do passar do tempo.

Dentre as parábolas mais conhecidas de Jesus, temos as seguintes:

O filho pródigo (Lucas 15:11-32): 

Esta parábola retrata a história de um filho que pediu para seu pai a sua parte da herança e partiu para uma terra distante, vivendo dissolutamente. Depois de ter gastado toda sua herança, começou a mendigar do alimento, foi quando arrependido ele resolveu voltar para casa do seu pai. O seu pai o recebeu de braços abertos, afirmando: “Este meu filho estava morto e reviveu, estava perdido e foi achado.” (Lucas 15:24).

Ilustração parábola do filho pródigo

A parábola da figueira estéril (Lucas 13:6-9): 

A parábola da figueira retrata a história contada por Jesus, onde certo homem que tinha uma figueira foi procurar frutos nela e não encontrou, sendo assim ordenou que cortassem essa figueira que não produzia frutos.

A parábola do bom samaritano (Lucas 10:29): 

Um intérprete da lei perguntou para Jesus ‘Quem é o meu próximo?’. Ao passo que Jesus respondeu com a seguinte parábola: ‘Um homem que viajava e passava entre Jerusalém e Jericó foi roubado e espancado, ficando gravemente ferido. Um sacerdote passou por este homem e não o ajudou, um levita passou por este homem e não o ajudou, um samaritano passou por esse homem e o ajudou, cuidando de suas feridas’.

Parábola da ovelha perdida (Lucas 15:3-7):

Aqui Jesus nos conta a história de um homem que cuidava de cem ovelhas, mas na tarde, ao contá-las todas, lhe faltava uma ovelha. Este homem deixou as noventa e nove ovelhas no aprisco e foi procurar a que estava perdida, então ele a encontrou no caminho ferida e com frio, onde ele curou as suas feridas, a colocou nos ombros e a levou para junto das demais ovelhas.

Essas são só algumas das diversas parábolas contadas por Jesus. Mas afinal, como podemos aprender com essas parábolas?

O que podemos aprender com as parábolas bíblicas:

1) Ensinamento: Jesus nos ensina como devemos conduzir nossa vida cristã através de parábolas. No novo testamento aprendemos como devemos tratar nosso próximo (parábola do bom samaritano), como é importante produzirmos frutos para Deus (parábola da figueira), como podemos nos arrepender e voltar para Deus (parábola do filho pródigo), como Deus nos ama (parábola das cem ovelhas) e várias outras parábolas nos admoestam sobre nossas condutas.

 2) Vontade de Deus: As parábolas descritas por Jesus nos proporcionam uma forma simples de entender como podemos viver na vontade de Deus. Se não tivéssemos elas na bíblia, não teríamos alguns entendimentos. Deus ama o seu filho e por amor aplica a sua correção. As parábolas na bíblia são os ensinamentos e correções de Deus para nossas vidas.

3) Exemplos: As parábolas nos servem de verdadeiros exemplos, que podemos usar para pregarmos e ensinarmos as pessoas. Elas podem ser entendidas de uma forma geral, podemos falar delas para adultos, idosos ou crianças. Os exemplos de cada parábola nos proporcionam uma verdadeira forma de levarmos a palavra de Deus para o nosso próximo.

4) Crescimento espiritual: ao meditarmos em alguma parábola e aplicarmos ela em nossas vidas, estamos adquirindo crescimento espiritual. Pois quando andamos naquilo que Deus deseja, vivemos uma vida em comunhão e andamos cheios do Espírito Santo.

Conclusão:

Como podemos ver, as parábolas bíblicas nos servem como ensinamentos e correções, que devemos aplicar no nosso dia a dia, nas mais diversas situações, seja na igreja, seja em casa, nos estudos, no trabalho, no relacionamento ou no convívio social.

Um curso virtual de teologia que me ajudou muito a entender todo o contexto das parábolas foi o que me indicaram no soubacharelemteologia.com